Aumenta acesso à internet no meio rural

De acordo com Censo Agropecuário do IBGE, o produtor rural tem usado cada vez mais a internet nos últimos anos. Desde o contato com os clientes até o pagamento, tudo é realizado via WhatsApp ou pelas redes sociais. O aumento do acesso à internet no meio rural foi acima do esperado, chegou a 1790% quando comparado ao levantamento realizado pelo IBGE em 2006. Atualmente, são mais de 1,4 milhão de produtores rurais conectados à rede.

Etelzi Souza, por exemplo, produz plantas ornamentais em uma chácara em Iguatemi (Maringá). Os negócios impulsionaram com a ajuda da internet e hoje suas estufas contam com mais de 10 mil vasos de plantas suculentas. Segundo a produtora rural, essas plantas têm muita saída no mercado e proporcionam um bom faturamento. Inclusive elas são comercializadas para todo país e para o exterior (Argentina e Paraguai) graças à internet.

Todas as transações entre Etelzi e os clientes são realizadas via internet, até mesmo o pagamento. O mesmo tem feito a horticultora Barbara Mahnic. Tudo começou com a postagem de uma foto nas redes sociais. Hoje, a produtora rural e Carlos Mahnic, seu marido, aumentaram a produção para suprirem à grande demanda. São colhidos cerca de 150 kg de hortaliças semanalmente. As vendas são realizadas via internet (WhatsApp) e a entrega é feita em domicílio.

Para aumentar as vendas, Bárbara começou a vender as verduras picadas, prontas para o preparo. O processamento agrega valor ao produto e aumenta o seu valor comercial, o que proporciona um bom faturamento à produtora rural.

Conheça o CPT Agropédia e Receituário – Software para Auxiliar na Identificação e no Combate a Pragas e Doenças das Lavouras.

Leia o artigo “Como aumentar a produtividade da produção rural”.

Fonte: g1.globo.com

Por Andréa Oliveira.

Desenvolvedor de sistemas no CPT Softwares desde 2009. Graduado e Mestre em Ciência da Computação pela Universidade Federal De Viçosa - UFV.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *