Como anda a educação financeira do seu filho?

Para que uma criança tenha uma boa educação financeira é fundamental que os pais deem bons exemplos. A educação financeira é essencial para se ter uma vida estável e equilibrada.

Os pais devem investir na educação financeira do filho desde cedo para que ele se torne um adulto responsável. Uma criança que tiver uma educação rigorosa sobre as finanças familiares terá com certeza, maiores chances de fazer bons negócios no futuro.

De acordo com a pedagoga Julia Manglano, as boas práticas deixam a criança mais inteligente, saudável e feliz. Ela explica que as informações começam a ser gravadas no cérebro desde o nascimento.

Para fixar o aprendizado, os ensinamentos sobre educação financeira deve ser realizada de forma lúdica. Guardar moedas num cofrinho para depois contar o dinheiro e comprar algo na presença da criança, irá ajudá-la a perceber o conceito de moeda e valor de um objeto.

Outra maneira de ensinar o filho a lidar com o dinheiro, é permitir que ele mesmo compre seu lanche na escola com o valor da mesada. Essa é uma forma de fazer com que a criança tenha controle sobre seus gastos. Caso gaste toda a quantia antes de receber a próxima mesada, é necessário descontar o que foi gasto mais.  

Para que as crianças não se tornem adultos compulsivos e consumistas, é importante utilizar uma planilha com o valor da receita e das despesas. Por exemplo, anotar o valor da mesada e também os valores dos gastos com lanches, refrigerantes, condução, cinemas, e shows irá ajudar a criança a perceber de onde vem e para onde vai o dinheiro.

Organize sua vida com a Coleção Casa Prática.

Desenvolvedor de sistemas no CPT Softwares desde 2009. Graduado e Mestre em Ciência da Computação pela Universidade Federal De Viçosa - UFV.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *