Algumas dicas para se obter um efetivo controle de estoque em uma loja de roupas

Loja de roupas

Para a gestão eficiente de um estabelecimento comercial, é preciso estabelecer o método de organização da mercadoria, o qual engloba algumas fases:

- Aquisição da mercadoria.

- Recebimento da mercadoria.

- Depósito da mercadoria.

- Exposição da mercadoria.

- Venda da mercadoria.

- Registro das vendas da mercadoria.

- Recebimento no caso de prazos de pagamento.

Tudo isso se relaciona à parte operacional de uma loja e, para que ela tenha sucesso, é fundamental certo controle sobre todas essas operações. Falhas em quaisquer dessas etapas poderão comprometer o objetivo de ter a mercadoria certa no momento apropriado para cativar o cliente. A falta de controle de estoque, portanto, poderá ocasionar na insolvência da loja, pois isso reflete muito no custo de se manter um negócio em funcionamento e em dia com seus fornecedores e credores.

Sob essa ótica, portanto, quais os passos para efetuar um bom controle de estoque em uma loja de roupas? Confira alguns!

Uso de identificações

O primeiro passo para que o estoque de uma loja seja organizado é deixá-lo limpo. Isso estabelecido, é fundamental categorizar as mercadorias, separando-as de acordo com os modelos e estilos das peças, e, a seguir, identificar item por item de modo que possam ser catalogados. Estabelecer um padrão para essas identificações é essencial para não correr o risco de gerar um estoque duplicado.

Identifique produtos parados

Após separar e etiquetar todas as peças, é possível identificar aquelas que já estão fora da estação e das tendências ou que têm saída baixa. Esse tipo de produto que fica parado em estoque gera prejuízos ao negócio, pois o dinheiro gasto na sua aquisição não foi recuperado com a venda, sem contar o lucro zero.

Esse controle obtido a partir da organização do estoque é o que permite reconhecer quais são esses produtos e tomar medidas para despachá-los, como as condições especiais de pagamento na aquisição dessas peças e as promoções. Ainda, reconhecer quais os itens de baixa saída evita a aquisição de outros semelhantes, o que aumentaria os prejuízos.

Compras por impulso

Muitas lojas não se beneficiam da compra por impulso dos seus clientes, pois os atendentes perdem tempo buscando no estoque os produtos que não estão em exposição. Para evitar esse tipo de ocorrido, considere as dicas:

1 –  Solicite a outro funcionário para buscar a mercadoria enquanto você atende o cliente, evitando deixá-lo esperando e, assim, dando brecha para que ele repense a compra.

2 Conte com pequenos estoques de peças em um estoque menor localizado embaixo das prateleiras ou balcões para você pegá-las no momento em que o cliente solicitar.

Compras X quantidades vendidas

Registre as quantidades de mercadorias que forem compradas, bem como das quantidades vendidas. Dessa forma, as chances de acumular produtos ou ficar sem alguma peça de boa saída são reduzidas.

 

Para facilitar a gestão da empresa, já existem softwares para gerenciamento que permitem organizar mais eficientemente as informações do estabelecimento. O mais completo e seguro disponível atualmente no mercado é o CPT Loja de Roupas e Calçados - Software para Gerenciamento de Loja de Roupas e Calçados. Com ele, você terá um melhor controle da sua loja e contará com a sistematização das suas informações em forma de planilhas e gráficos, facilitando o processo de tomada de decisões para o desenvolvimento e ampliação do empreendimento.

 

Fonte: Sage Empreendedor  - blog.sagestart.com.br

Por Bruna Falcone Zauza

Softwares Relacionados

Receba Mais Informações

O CPT SOFTWARES garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.

CPT SOFTWARES LTDA © 2008 - 2017. Todos os direitos reservados
Rua Padre Serafim, 30 Loja 6 BOX N, Centro - Viçosa - MG / CEP: 36570-000
CNPJ: 17.612.421/0001-76

Empresa Genuinamente Brasileira
Atendimento Online
Quer Facilidade