Indicadores CDL-BH e CDL-Rio confirmam crescimento do setor varejista de confecções e calçados

 

 

CDL-BH e CDL-Rio confirmaram crescimento dos setores varejistas de confecções e calçados.

O desempenho do setor varejista é um exemplo nacional. Os termômetros de vendas (que são indicadores do setor varejista) das Câmaras de Dirigentes Lojistas de Belo Horizonte (CDL-BH) e do Rio de Janeiro (CDL-Rio) confirmaram o crescimento dos setores varejistas de confecções e calçados nos primeiros quatro meses de 2010.

De acordo com o termômetro de vendas da CDL-BH para os primeiros quatro meses de 2010, o varejo acumulou nesse período um crescimento de +4,9% nas vendas registradas na capital mineira, em relação ao mesmo período em 2009. Dentre os setores com melhor desempenho, estão os de Tecidos, Vestuário, Armarinho e Calçados, que obtiveram um crescimento de +3%.

Já o termômetro de vendas abril/10 da CDL-Rio constatou um crescimento ainda maior no índice de vendas do comércio varejista: 11,6%. Classificados em ordem de desempenho, encontram-se os segmentos de Confecções e Moda Infantil (+7,7%), Calçados (+5,8%) e Tecidos (+2,1%).

Segundo os estudos, vários são os motivos que contribuíram para essa boa fase do setor varejista. O atual cenário econômico do Brasil é favorável para atrair investimentos para diversos setores, incluindo o têxtil e o de calçados. Da mesma forma, a recuperação da indústria brasileira, em todos os segmentos, é outro fator positivo, pois o desempenho do segundo setor (indústrias) influencia diretamente o desempenho do terceiro setor (comércio e serviços).

Além disso, observa-se a fortificação da moeda nacional, diminuindo os riscos financeiros. O governo vem mantendo a inflação sobre controle, o que também beneficia o controle dos preços pelos varejistas. Por último, ocorre o aumento dos rendimentos e do crédito no País, cujos benefícios vêm alavancando as expectativas de consumo dos trabalhadores.

Especificamente em Belo Horizonte, outro fator colaborou para esse bom desempenho: a evolução dos postos de trabalho. O número de carteiras assinadas na cidade, até abril de 2010, foi de 22.919, contra apenas 7.223 no mesmo período de 2009. Tal estabilidade no emprego aumentou o poder de compra dos trabalhadores mineiros, beneficiando os comerciantes.

Invista no setor varejista de calçados e vestuários! O CPT Softwares te ajuda a fazer isso! Desenvolvemos softwares inovadores para o gerenciamento das pequenas empresas desse ramo. Clique e confira o CPT Software para Lojas de Roupas e Calçados.

 

Thayana Abreu - Editora e Revisora CPT Softwares

 

Receba Mais Informações

O CPT SOFTWARES garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.

CPT SOFTWARES LTDA © 2008 - 2017. Todos os direitos reservados
Rua Padre Serafim, 30 Loja 6 BOX N, Centro - Viçosa - MG / CEP: 36570-000
CNPJ: 17.612.421/0001-76

Empresa Genuinamente Brasileira
Atendimento Online
Quer Facilidade