Marmita saudável congelada, negócio vantajoso para empresários e clientes

Marmita

Comer fora de casa está cada vez mais caro! Por esse motivo, as marmitas saudáveis congeladas tornaram-se a onda do momento. Segundo a Abec, associação de reúne as empresas do setor de alimentos, o mercado de marmitas congeladas é o que mais cresce dentro no segmento de refeições coletivas. Alguns empreendedores visionários perceberam as vantagens desse negócio e investiram no sonho de montar sua própria empresa. Foi o que fizeram Alex Mello e Antônio Lima. Juntos eles investiram R$ 5 mil no empreendimento e, com menos de três anos no mercado, o faturamento aumentou mais de dez vezes.

Com uma equipe de dez funcionários, a empresa conseguiu aumentar as vendas, o que garantiu uma maior sustentabilidade do negócio. Outra estratégia dos empresários foi economizar na matéria-prima para o preparo das marmitas. De que forma? Aproveitando as promoções em quitandas e supermercados. Com isso, eles conseguiram vender as marmitas com preços bem mais baixos para a felicidade dos consumidores. As refeições são comercializadas a R$ 7,50, elaboradas com ingredientes leves e saudáveis.

Cerca de 90% dos clientes pedem marmitas fitness, com alimentos que contêm menor teor de sódio e gordura. Para não perder mercado, a empresa de Mello passou a oferecer marmitas mais completas e mais caras, com preços de até R$ 32 cada. As vendas são realizadas via internet, onde os clientes podem escolher o tipo de marmita preferido, com comodidade e praticidade, sem sair de casa.

As entregas são rápidas e eficientes para que os alimentos cheguem quentinhos e saborosos até os clientes. Para isso, os empresários dividiram a cidade em setores para que cada região seja atendida da melhor forma pelos entregadores. Por dia, são entregues 400 marmitas, o que aumentou ainda mais os lucros dos empresários. Em dois anos e meio de funcionamento, a empresa passou de R$ 60 mil para R$720 mil de faturamento anual – um crescimento de mais de 1000%.

Para empreender nesse ramo, é possível começar como MEI – Microempreendedor Individual, o que possibilita o pagamento de menores taxas de impostos. Além disso, para fazer as marmitas, não é necessário um alto investimento, basta começar com o básico, como freezer, geladeira, fogão e máquina para selar as marmitas. Com o passar do tempo, a empresa pode investir em melhorias, que torna o negócio ainda mais rentável e promissor.

Quer investir no mercado de marmitas? Siga as dicas abaixo:

-> Estude o mercado para avaliar a viabilidade do negócio;
-> Faça um bom plano de negócio – nele, avalie quem é o público-alvo, quantas pessoas consegue atender e quem está atuante no mercado;
-> Micro e pequenas empresas precisam de autorização da vigilância sanitária para funcionar;
-> Quem é MEI precisa seguir as regras de manipulação de alimentos;
-> Atenção especial à embalagem, que deve estar adequada tanto para o freezer como para o micro-ondas;
-> O rótulo deve informar peso, ingredientes, composição e data de validade.

Por Andréa Oliveira.

Fonte: Revista PEGN.

Confira o artigo "Saiba mais sobre softwares para gestão de restaurantes" e aprimore ainda mais o seu conhecimento.

Conheça o CPT Restaurante - Software para Gerenciamento de Restaurante.

Salvar

Softwares Relacionados

Receba Mais Informações

O CPT SOFTWARES garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.

CPT SOFTWARES LTDA © 2008 - 2017. Todos os direitos reservados
Rua Padre Serafim, 30 Loja 6 BOX N, Centro - Viçosa - MG / CEP: 36570-000
CNPJ: 17.612.421/0001-76

Empresa Genuinamente Brasileira
Atendimento Online
Quer Facilidade