9 medidas para reduzir gastos com manutenção do carro

9 medidas para reduzir gastos com manutenção do carro

Quando compramos um carro, ficamos satisfeitos com o investimento. Principalmente se o veículo está em perfeito estado. Mas é preciso garantir que ele continue assim com alguns cuidados essenciais de manutenção. Dessa forma, além de aumentar a performance do automóvel, os gastos são reduzidos de forma bastante significativa. Com 9 medidas simples e fáceis, é possível economizar a cada quilômetro percorrido.

1.Evite velocidades muito altas. Além de colocar sua vida em risco e a de outras pessoas, você promove o desgaste dos componentes do motor, assim como da transmissão e da suspensão.

2.Abasteça em postos com selos da ANP e do Inmetro. Muitos postos de abastecimento adulteram os combustíveis com o acréscimo de água e querosene. Com isso, os componentes do motor são comprometidos e o carro passa a consumir mais combustível.

3.Troque o óleo regularmente. O ideal é realizar a troca a cada 10 mil quilômetros no máximo. Após 12 meses no motor do veículo, o lubrificante perde suas propriedades e acumula sujeira.

4.Troque os filtros de óleo e de ar. O mesmo deve ser feito com esses componentes, pois sua troca reduz o desgaste do motor do carro. O recomendado é substituí-los durante a troca de óleo.

5.Troque o filtro de combustível e as velas de ignição. Trata-se de uma medida essencial para melhorar o desempenho do veículo. Além de diminuir o desgaste do motor, o procedimento evita o acúmulo de impurezas. A substituição deve ser feita entre 10 e 15 mil quilômetros.

6.Calibre os pneus e o estepe a cada duas semanas. Em geral, o valor da calibragem vem no manual do veículo. Ao realizar a calibragem periódica dos pneus, você aumenta a sua durabilidade.

7.Faça o alinhamento e o balanceamento das rodas. Dessa forma, você impede o desgaste desigual dos pneus, que são caros. O procedimento deve ser realizado a cada 10 mil quilômetros, ou quando ocorrer algum impacto nas rodas.

8.Faça a correta troca de marchas. Velocidades baixas em marchas altas prejudicam o motor. O ideal é trocar as marchas de acordo com o desenvolvimento do motor. Ao reduzir a velocidade, observe a redução pelo câmbio.

8.Evite manter o carro em ponto morto. Motoristas mais antigos ainda praticam a famosa banguela. Mas esse procedimento desgasta os componentes do motor – como os injetores de combustível, além de aumentar o consumo. Com o carro engrenado, não será necessário alimentar o motor para manter o movimento.

9.Evite frear bruscamente. Caso contrário, todo o sistema de freios é comprometido – em especial, as pastilhas e as lonas. Usar o pedal de forma irregular também compromete as rodas e as suspensões. O mais recomendado é usar o freio motor com o veículo nas marchas adequadas.

Por Andréa Oliveira.

Fonte: Rodobens.

Confira o artigo "Dicas de como administrar uma oficina automotiva" e aprimore ainda mais o seu conhecimento.

Conheça o CPT Mecânica de Veículos - Software para Gerenciamento de Oficinas Mecânicas e Lojas de Peças.

Softwares Relacionados

Receba Mais Informações

O CPT SOFTWARES garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.

CPT SOFTWARES LTDA © 2008 - 2017. Todos os direitos reservados
Rua Padre Serafim, 30 Loja 6 BOX N, Centro - Viçosa - MG / CEP: 36570-000
CNPJ: 17.612.421/0001-76

Empresa Genuinamente Brasileira
Atendimento Online
Quer Facilidade