Ministério da Agricultura anuncia apoio a pequenos produtores

Ministério da Agricultura anuncia apoio a pequenos produtores

Tereza Cristina, ministra da Agricultura, anuncia na última quarta, dia 8 de abril, apoio do governo à agricultura familiar durante a pandemia do novo coronavírus. O anúncio aconteceu no evento da Câmara de Comércio Árabe transmitido pela internet.

“O governo deve soltar ainda hoje uma medida, juntamente com o Ministério da Agricultura, da Economia e da Cidadania. Nós conseguimos R$ 500 milhões para colocar nessas cadeias produtivas” diz Tereza Cristina.

O dinheiro será destinado ao Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) do governo federal. A verba será destinada prioritariamente aos setores mais impactados. O objetivo é manter produção ativa, para que não haja problemas de abastecimento após a crise.

Neste momento de instabilidade, é preciso ter maior cuidado com a saúde financeira do seu negócio. Utilize softwares de gestão rural, como CPT Fazenda Premium ou o CPT Controle Econômico e Financeiro para te ajudar a manter sua produção saudável.

No dia 9 de abril, o governo tornou pública a criação de uma linha especial de crédito para agricultores familiares (Pronaf). A linha se destina principalmente para os produtores de flores, hortifrútis, leite, aquicultura e pesca.

As taxas de juros serão de 4,6% ao ano, com prazo para pagamento de três anos, incluído um de carência. O limite por produtor será de R$ 20 mil. 

Da mesma forma, foi também criada uma linha especial de crédito para médios agricultores enquadrados no Pronamp que se dedicam à produção de flores, hortifrútis, leite, aquicultura e pesca.

As taxas de juros são de 6% ao ano, com prazo para pagamento de três anos, incluído um de carência. O médio produtor terá limite de R$ 40 mil. 

As contratações ao amparo dessas linhas se estendem até 30 de junho de 2020.

Acesse o link para mais informações:

https://www.gov.br/agricultura/pt-br/assuntos/noticias/governo-anuncia-medidas-economicas-para-ajudar-produtores-rurais-afetados-pela-pandemia-do-coronavirus

Fonte: G1, Gov.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *