Ração aumenta custo de produção dos suínos

Ração aumenta custo de produção dos suínos

Foi calculado pela Central de Inteligência de Aves e Suínos da Embrapa que no ano de 2019 a produção de suínos de corte atingiu alta de 8,64%. A nutrição animal foi o item que mais pesou nos custos de produção suína, aumentando 7,21% no ano passado, enquanto o frango de corte subiu 4,04%.

Em Santa Catarina, em sistema de ciclo completo, o custo por quilo vivo de suíno produzido atinge o valor mais elevado desde junho de 2018. Dos R$ 4,04 em novembro para R$ 4,17 em dezembro de 2019.

Já o mercado para o início de 2020, tem previsão de enfraquecimento na demanda interna, consequência da redução no poder aquisitivo geral. Redução típica deste período do ano.

Quanto à exportação, por outro lado, nos primeiros dias de janeiro se registrou diariamente o envio de cerca de 3,3 mil toneladas de carne não processada. O que é quase 6% a mais que a média do último mês de 2019, mês recorde para a exportação do produto.

Para ter controle da criação e da sua fazenda, avalie utilizar softwares especializados em gestão agropecuária.

Fonte: Canal Rural, Suinocultura Industrial

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *